Princípios básicos para a prevenção de incêndios - AmbientecAmbientec
CANAL DE CONTEÚDO

    Princípios básicos para a prevenção de incêndios

    Descubra como evitar a ocorrência desses males
    12/11/2018

    Acidentes que envolvem fogo podem ocorrer em qualquer ambiente trabalhista, mas necessitam de atenção especial em locais com manuseio de materiais inflamáveis, em laboratórios químicos e em áreas com grande quantidade de equipamentos ou grande fluxo de corrente elétrica, os quais podem sofrer sobrecarga e, consequentemente, explosões, que podem ocasionar incêndios.

     

     

    O treinamento de funcionários que exercem suas funções em ambientes com características como as descritas acima é condição imprescindível para evitar estes tipos de acidentes. Os trabalhadores instruídos sobre os perigos do incêndio ficam mais atentos a possíveis erros de conduta, que possam gerar algum risco iminente, além de terem adquirido o conhecimento necessário para que possam dominar situações acidentais que estejam fugindo do controle da equipe, tais como o início de focos de incêndio, explosões de equipamentos, aumento da temperatura de fios ou maquinário, entre outras ocorrências que podem surgir de forma inesperada.

     

     

    Algumas das recomendações para conter o fogo que atinge a roupa do funcionário são a presença do chuveiro de segurança ou de uma manta anti-chama de isolamento térmico no ambiente. O acidentado, então, deve ser levado até algum desses objetos, os quais irão molhar ou abafar o local e impedir que o fogo se alastre, apagando-o. Caso não haja algum desses equipamentos de segurança no local da ocorrência, o procedimento a ser seguido é o de se deitar no chão seco e rolar, até que o fogo apague. O indivíduo que estiver com fogo em sua vestimenta não deve, jamais, sair correndo, pois pode fazer com que o fogo se espalhe mais. Caso haja essa conduta por parte de alguém, um funcionário instruído deve pará-lo e abraçá-lo rápida e repetidamente, apagando o fogo da mesma forma que é feito com o procedimento de rolamento no chão.

     

     

    Caso seja constatado fogo, fumaça, vazamentos de gás, ou quaisquer outros indicativos de um perigo iminente em que não haja alternativas de segurança a serem aplicadas de imediato, a recomendação é que as pessoas presentes deixem o recinto e chamem os bombeiros o mais rápido possível. É expressamente contraindicada a utilização de elevadores nessas situações, sendo recomendada o uso das escadas para a evacuação.

     

     

    Os locais de trabalho também devem, conforme normas de segurança estabelecidas por lei, serem equipados com extintores de incêndio, hidrantes, mangueiras, registros, chuveiros automáticos, além de corrimão nas escadas. Uma ótima alternativa para a segurança dos indivíduos é a instalação das portas corta-fogo, que veda o incêndio no local, assegurando a proteção das pessoas quando saem da área acidentada.

     

    Comentários