NIOSH lança ferramenta para medição de ruído para Smartphones - AmbientecAmbientec
CANAL DE CONTEÚDO

    NIOSH lança ferramenta para medição de ruído para Smartphones

    Inicialmente o aplicativo está disponível para usuários do iPhone (iOS).
    26/04/2017

    O aplicativo está disponível para download para todos os usuários de sistema iOS. Esta ferramenta é capaz de medir o ruído, através de nível de pressão sonora, fornecendo parâmetros de exposição ao ruído para ajudar a reduzir a perda auditiva induzida por ruído ocupacional.

     

    É muito útil para qualificar áreas e/ou funções que merecem avaliação quantitativa (audiodosimetria).

     

    Principais benefícios

     

    – Aumenta a consciência dos trabalhadores sobre o seu ambiente de trabalho;

    – Ajuda os trabalhadores a tomar decisões informadas sobre os perigos potenciais para sua audição;

    – Serve como ferramenta de pesquisa para coleta de dados de exposição ao ruído;

    – Promove uma melhor saúde auditiva e esforços de prevenção;

    – Fácil de usar.

     

     

    Como interpretar os resultados?

     

    O NIOSH estabelece Limites de Exposição Recomendados (REL) para várias exposições com base na melhor ciência e prática disponíveis. O REL para o ruído é de 85 decibéis, utilizando a resposta em frequência de ponderação a uma média de 8 horas, normalmente referida como média ponderada no tempo (TWA). As exposições neste ou acima deste nível são consideradas perigosas. A OSHA estabelece limites de exposição legalmente exigíveis (PEL) que exigem que os empregadores tomem medidas para reduzir a exposição dos trabalhadores. O PEL de OSHA para ruído é de 90 dB com média ponderada no tempo de 8 horas.

     

    As normas laborais especificam uma dose máxima diária admissível de ruído, expressa em percentagens. Por exemplo, uma pessoa continuamente exposta a 85 dB (A) por NIOSH ou 90 dB (A) por OSHA durante um turno de trabalho de 8 horas, atingirá 100% da sua dose diária de ruído. A dose de ruído baseia-se tanto no nível de exposição sonora como no tempo de duração. Este limite de dose utiliza uma compensação de intensidade de tempo de 3 dB, comumente referida como a regra de taxa de câmbio ou de energia igual: para cada aumento de 3 dB na exposição média ao ruído, o tempo de exposição admissível é reduzido pela metade. Por exemplo, se a exposição aumentar para 88 dB (A), os trabalhadores só devem ser expostos durante quatro horas. Em alternativa, para cada diminuição de 3 dB da exposição média ao ruído, o tempo de exposição admissível é duplicado.

     

    É importante diferenciar  o nível de ruído e a exposição ao ruído médio ponderado pelo tempo. Enquanto os níveis de ruído descrevem a intensidade de sons em um determinado ponto no tempo, os limites de exposição NIOSH são definidos como exposições médias ponderadas pelo tempo ao longo de períodos de tempo. Se as medições do nível de ruído exceder consistentemente 85 dB (A), recomendamos que você acompanhe um profissional como um higienista ocupacional ou um especialista em saúde e segurança no trabalho para realizar um levantamento de ruído profissional em seu local de trabalho. Lembre-se, proteger sua audição é uma boa prática de saúde, não importa onde seus ouvidos estão!


    Quer saber mais sobre ruído ambiental? Clique aqui.

     

     

    Comentários