Analise Ergonômica - Ambientec
CANAL DE CONTEÚDO

    Analise Ergonômica

    Medida assegura as ferramentas necessárias para o movimento das áreas de saúde e segurança trabalhistas
    20/02/2019

    A Análise Ergonômica do Trabalho (AET) é baseada na averiguação das condições de trabalho oferecidas pelo ambiente laboral e pelos instrumentos necessários para a realização da tarefa designada, objetivando uma correta compatibilidade entre ambos quesitos e o funcionário, proporcionando, assim, um melhor meio de atuação empregatícia.

     

    O cuidado com o oferecimento de um bom espaço e boas ferramentas para o serviço contribui, largamente, para a cooperação dos trabalhadores envolvidos na atividade, pois a realização das tarefas diárias torna-se mais confortável e, consequentemente, há uma melhora no desempenho de cada um. O estudo feito pelas Análises Ergonômicas identifica causas de incômodos trabalhistas e/ou possíveis situações que podem atrapalhar o empregado de alguma forma.

     

    Após a constatação de irregularidades com os recintos e itens utilizados, a AET pode proporcionar a adesão de medidas para tratar as causas dessas inconformidades. O objetivo é assegurar boas condições de serviço aos colaboradores, incentivando a boa conduta de todos, o que consiste em um investimento empresarial digno aos indivíduos contratados e demonstra a importância do âmbito pessoal para a instituição.

     

     

    A valorização da mão de obra contratada é um dos caminhos indicados para a excelência empresarial, sendo a Análise Ergonômica do Trabalho uma das principais ações de cuidado com o quadro de funcionários e de prevenção de riscos no recinto organizacional. Boas práticas de segurança do trabalho e o bom desempenho preventivo contribuem e elevam o nível de qualidade da empresa desenvolvendo-a e auxiliando na lucratividade.

     

    Vale lembrar que as análises são realizadas por ergonomistas, tais como fisioterapeutas, médicos do trabalho, etc. As funções que mais requerem este tipo de cuidado são as que contam com serviços relacionados ao transporte de cargas pesadas, uso intenso do computador – a atenção com a postura é um dos fatores inexoráveis ao se sentar em frente a tela –, e atividades de maior demanda física e movimentação repetitiva. Uma alternativa para a manutenção da ergonomia dos trabalhadores é o estabelecimento de uma sessão de alongamento antes do expediente, extremamente eficaz contra possíveis lesões. Como já mencionado, o processo deve ser gerido e monitorado pelos profissionais da área ergonômica.

     

    Gostou do tema? Para saber mais, acesse o site: https://www.ambientec.com/

    Comentários